Nacional

Marido de Maria João Abreu faz pedido especial para o funeral da atriz

14 Maio, 2021

João Soares, marido de Maria João Abreu, faz um pedido especial para as cerimónias fúnebres que estão marcadas para este sábado, 15 de maio.

João Soares, marido de Maria João Abreu, acabou de fazer um pedido especial para o dia das cerimónias fúnebres da atriz, que estão agendadas para este sábado, 15 de maio.

Numa nota partilhada nas redes sociais e dirigida a “família e amigos”, o marido de Maria João Abreu, que perdeu a vida nesta quinta-feira, 13 de maio, começa por confirmar as informações já divulgadas. “O corpo da minha João irá estar na Igreja de São João de Deus, na Praça de Londres, em Lisboa, a partir das 11:00 horas de dia 15 de Maio, sábado. A cerimónia religiosa será às 17:00 e depois seguirá para o Cemitério do Alto de São João”, enumera.

De seguida, o músico realça um detalhe e aproveita para fazer um pedido a todos aqueles que quiserem marcar presença no último adeus à atriz: “Ao escrever este texto, não pude deixar de reparar que estes dois locais, por onde ela irá passar, têm um João… tal como ela. Tal como eu. Tal como nós. Os Joões. Sendo a minha João a personificação da leveza e alegria, sugiro usar uma peça de roupa branca (ou clara), se tiverem e vos apetecer. A mim, apetece-me”, termina.

Marido de Maria João Abreu: “Até já, meu amor”

Maria João Abreu, de 57 anos, encontrava-se internada, desde o dia 30 de abril no Hospital Garcia de Orta, em Almada, na sequência de um rompimento de um aneurisma. A atriz era casada com João Soares desde 2012. Antes, esteve casada com o ator José Raposo, de quem se separou em 2008 e com quem teve dois filhos, Miguel e Ricardo Raposo.

“Até já, meu amor”: A mensagem comovente do marido para Maria João Abreu
João Soares reagiu, por intermédio das redes sociais, à morte da atriz. “A minha João partiu”, foi desta forma que o músico iniciou a sua missiva para informar junto de quem por lá o segue a partida da sua companheira de vida. “Infelizmente, todo o meu amor por ela, todo o amor da família e todo o amor dos amigos não foi suficiente para impedir que esta viagem se iniciasse”, lamenta.

Pode ler a dedicatória completa aqui.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução Instagram

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 1 | 0

 
Top